Newsletter

Nome:

E-mail:


Preferências

Pesquisa

Medicina do Trabalho

Importância da Água no Funcionamento do Organismo Humano

2011-10-24 12:40

A água é o principal constituinte das células humanas e está presente em todos os processos fisiológicos e bioquímicos que ocorrem no organismo, sendo responsável pela regulação da temperatura corporal, pela eliminação de toxinas (através da urina e do suor) e representando cerca de 95 % do plasma sanguíneo que transporta oxigénio e nutrientes até às células.

Em condições de temperatura e actividade moderadas, o corpo humano perde cerca de 2 litros de água por dia através da urina, suor, fezes e respiração. O aumento da temperatura, bem como a prática de exercício físico intenso elevam as perdas de água, constituindo um mecanismo de arrefecimento do corpo.

FUNÇÕES DA ÁGUA

  • Transporte: a água é responsável pelo transporte de nutrientes e oxigénio até às células, bem como dos detritos celulares resultantes dos processos metabólicos.
  • Solvente:  a água é um excelente solvente e meio de suspensão, facilitando a eliminação das toxinas acumuladas no organismo através da urina.
  • Regulação da temperatura corporal: quando o corpo está excessivamente quente, aumenta substancialmente a produção de suor, com o objectivo de libertar calor através da evaporação.
  • Participação em reacções enzimáticas (como por exemplo, facilitando a digestão).
  • Lubrificante das articulações: a desidratação nas cartilagens provoca movimentos abrasivos com consequente desgaste ósseo.

DISTRIBUIÇÃO DA ÁGUA NO ORGANISMO

Entre 70% a 75% do peso corporal nos adultos resulta da massa muscular, sendo esta constituída por cerca de 73% de água.

 

A quantidade de água que existe no organismo humano varia com a idade, sexo, massa muscular e percentagem de tecido adiposo, encontrando-se  distribuída em 2 tipos de compartimentos:

  • Líquido intracelular: líquido existente dentro das células, constituindo aproximadamente 40% do peso corporal total e 65% da água corporal total.
  • Líquido extra-celular: todo o líquido que se encontra fora das células, constituindo cerca de 20% do peso corporal total – incluí o líquido intersticial (que se encontra nos espaços entre os tecidos), o plasma sanguíneo e o líquido transcelular (líquido sinovial das articulações, líquido cerebral, líquidos intra-oculares e líquidos da cavidade peritonial, pleural e glandular).

CONSUMO DIÁRIO DE ÁGUA

O corpo humano perde uma quantidade significativa de água através da respiração, transpiração e urina, pelo que se recomenda um consumo aproximado de 2 litros por dia. Esta reposição deve ser feita gradualmente, em porções e intervalos regulares, como por exemplo 1 a 2 copos ao levantar-se e o restante distribuído nos intervalos das refeições (até 30 minutos do início e 1 a 2 horas após, para que não haja prejuízo em termos de perdas de nutrientes ou má digestão).

Existe uma maneira fácil de reconhecer se a quantidade de água ingerida é suficiente: quando a urina é eliminada em grandes quantidades e tem uma cor clara, a quantidade de água é suficiente. Se, pelo contrário, a urina é eliminada em pequenas quantidades e tem uma cor escura, é necessário aumentar o consumo de água.

Sugestões para aumentar a ingestão de água:

  • Beba 1 copo de água ao acordar, antes de ingerir alimentos sólidos.
  • Tenha uma garrafa de água na sua secretária, ou dentro da mala, e vá bebendo ao longo do dia.
  • Em vez de refrigerantes, beba água à refeição (não tem calorias).
  • Beba água antes, durante e após o exercício físico.


NÃO ESQUEÇA: O homem pode passar até 28 dias sem comer, mas apenas 3 dias sem água!!!


Elisabete Afonso (TSST)