Newsletter

No template file found: {$plugin.feadmin.dmailsubscription.file.templateFile}

Pesquisa

Medicina do Trabalho

Outubro, o mês da luta contra o Cancro da Mama

2015-11-09 23:33

São cada vez mais as empresas que se têm juntado a este evento!...

As Companhias Estée Lauder, Avon, Komen e outras organizações comerciais e não comerciais têm participado em vários eventos e atividades durante o mês de Outubro.

As Companhias Estée Lauder têm desenvolvido a Campanha de Prevenção do Cancro da Mamã, ao longo dos últimos anos, durante o mês de Outubro, um pouco por todo o mundo.

Em Portugal, o Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama, dia 30 de Outubro, foi criado na sequência de uma petição subscrita e entregue na Assembleia da República pela Socosmet (representante das Companhias Estée Lauder em Portugal) e pelo Movimento Vencer e Viver. Ambas foram, também, as primeiras a distribuir laços cor-de-rosa e folhetos informativos sobre a doença, e desde sempre encorajaram os governos a dedicarem um dia, uma semana ou o mês de Outubro à Prevenção do Cancro da Mama.

O objetivo é angariar fundos através da organização de várias atividades e são doados à Fundação de Pesquisa para o Cancro da Mama.

Como prevenir o cancro da mama?

Para descobrir o cancro da mama, o mais rapidamente possível, deverá fazer anualmente exames ginecológicos, a partir do momento que tiver idade suficiente:

  • Fazer um auto exame mensal;
  • Fazer exame médico pelo menos uma vez ao ano;
  • Fazer uma mamografia entre 35 a 39 anos de idade.

A partir daí, após os 40 a cada 1 ou 2 anos, deve ser feito de acordo com o programa recomendado pelo seu médico. A partir dos 50 anos, deve fazer uma mamografia a cada ano.

Se apresentar características de alto risco de cancro da mama, deve fazer mamografias regulares aos 35 anos ou menos.

A maior parte dos nódulos não são cancro. Na maioria das vezes, são quistos com fluidos no tecido do seio, que aumentam e diminuem com o ciclo menstrual. Mas, qualquer nódulo deverá ser avaliado através de um exame médico, mamografia e biópsia de agulha ou cirúrgica.

Porquê um laço?

O primeiro laço que teve uma representação relevante na história foi o laço amarelo, que foi apresentado numa marcha cantada pelo exército dos Estados Unidos da América.

Em 1917, George A. Norton interpretou a canção pela primeira vez, com o título “Round Her Neck She Wears a Yellow Ribbon”. Nos anos 40, a mesma canção foi interpretada por diferentes músicos. 

Baseada nesta canção, a mulher de um refém no Irão, Penney Laingen, foi a primeira pessoa a usar o laço como um símbolo de alerta. Penney colocou laços amarelos em várias árvores de modo a representar o desejo que tinha que o seu marido regressasse a casa. Amigos e familiares, demonstrando a sua lealdade, seguiram a moda.

Todos os Americanos rapidamente se aperceberam que o laço cor-de-rosa se tornara uma força. Nos anos 90, ativistas da luta contra a SIDA, inspirados pela força do laço, decidiram fazer laços para os que lutavam contra a SIDA. O laço que representa a SIDA tornou-se vermelho, por essa ser a cor da paixão.

Durante os Tony Awards, o ator Jeremy Irons foi fotografado com um brilhante laço vermelho no peito. Durante a noite, à medida que o público seguia os prémios, o laço foi-se tornando um ícone popular. O The New York Times declarou o ano de 1992 como o ano do Laço Cor-de-Rosa.

O primeiro Laço Cor-de-Rosa foi introduzido pela Fundação do Cancro da Mama Susan G. Komen. A fundação ofereceu bonés cor-de-rosa aos sobreviventes do cancro da mama que participavam na Corrida para a Cura desde 1990. Alguns meses mais tarde, em 1991 , todos os participantes da Corrida de Nova Iorque receberam um Laço Cor-de-Rosa.

No entanto, o laço não teve a importância que se esperava, na medida em que era um pormenor num evento com bastante importância..Alexandra Penney, que em 1992, era a editora chefe do"Self", uma revista de saúde para mulheres, trabalhava então na segunda edição anual do National Breast Cancer Awareness.

Evelyn Lauder, que era então vice-presidente da empresa Estee Lauder, foi editora convidada da edição do National Breast Cancer Awareness do mesmo ano. Juntas, Penney e Lauder, lembraram-se de criar um laço e de fazer com que as grandes distribuidoras de cosméticos os distribuíssem nas lojas de Nova Iorque.

Mais tarde, Evelyn Lauder prometeu distribuir os laços por todo o país, embora a cor do laço ainda não tivesse sido decidida. No entanto, uma senhora de 68 anos, de nome Charlotte Hayley, que acabara de combater o cancro da mama, produziu laços laranja.

Charlotte vendeu-os com um cartão que dizia: "O budget anual do Instituto Nacional do Cancro é de 1.8 biliões de dólares, e somente 5% vai para a prevenção contra o cancro. Ajude-nos a acordar os nossos legisladores e a América usando este laço!".

A mensagem rapidamente se divulgou, o que fez com que Penny e Evelyn se interessassem pelo conceito de Hayley. Ambas viram potencial na ideia de se associarem a Charlotte. Mas, esta rejeitou a proposta, alegando que Penny e Evelyn eram demasiado comerciais.

Após uma discussão com Lauder, Hayley e os seus advogados foi então acordada uma nova cor. O cor-derosa fora então escolhido para a cor do laço, tornando-se assim um símbolo internacional para a luta contra o cancro da mama.

Porquê cor-de-rosa?

Porque…

  • No mundo Ocidental, o rosa é a cor as mulheres. Quando nasce uma rapariga, tudo é rosa, enquanto que, se for um rapaz, o azul é a cor escolhida.
  • O rosa é uma cor brilhante e forte. Tudo o que o Cancro não é.
  • O cancro de mama é uma doença muito particular, sendo que a mama é uma zona do corpo importante da mulher.
  • Todos os movimentos de aumento da consciencialização e o apoio na investigação são muito positivos.

Sabia que...

  • Em Portugal, cerca de 1% de todos os cancros da mama são no homem?
  • Anualmente, em Portugal, são detetados cerca de 4500 novos casos?
  • E que 1500 mulheres morrem com esta doença em Portugal?

O cancro da mama é uma das doenças com maior impacto na nossa sociedade, não só por ser muito frequente, e associado a uma imagem de grande gravidade, mas também porque agride um órgão cheio de simbolismo, na maternidade e na feminilidade. Por isso:

PREVINA-SE!... PARA QUE VOCÊ E AQUELES A QUEM AMA VIVAM FELIZES!...